5 de nov de 2011

É tão dificil te imaginar longe. A saudade se faz realidade.
Porque as vezes corremos tanto pela vida, que deixamos passar tantas coisas bonitas.
As vezes queremos que o fruto amadureça antes do tempo.
Temos tanta pressa.
Mas somente o tempo sabe o momento exato de dar o presente que merecemos.
E eu me sinto orgulhosa por ter esperado pacientemente o meu presente da vida.
Quando eu menos esperava, alguém me encontrou. Me reencontrou. Me reinventou. Me encantou.
Você é sempre tão doce, tão qeurido, tão lindo.
Consegue arrancar um sorriso meu quando ninguém mais consegue.
Como já dizia Caio F., a gente se aproxima de tudo que nos completa, nos faz feliz e nos quer bem. É assim que me sinto contigo, e eu torço para que seja reciproco. Nunca encontrei alguem com tanto em comum comigo. Como um reflexo meu. Isso é bom, nunca acreditei que opostos se atraem!
Ja me machuquei demais com um, esperei demais de outro. Agora não.
As coisas vão dar certo. Vai ter amor, vai ter fé, vai ter paz. Porque se não tiver, eu sei que a gente inventa.
Uma alma pede a outra. Pede abraço apertado. Pede beijo demorado. Pede corpo pra aquecer.
E assim, o riso é sincero.
A vida me ensinou que a distancia é algo relativo, pois por mais que se esteja distante de quem se gosta, no coração estão sempre perto. Eu sei que essa distancia servirá apenas para provar que nossos laços sao firmes e verdadeiros. Que ela nos ensine a amar cada vez mais, de um jeito mais leve.  Porque eu sei que é amor. Se preocupar, se importar, querer perto não tem outro nome, tem? Que juntos possamos construir um amor sincero que transcenda ao tempo. Que cresçamos juntos, conhecendo profundamente um ao outro. Que a rotina não nos afete, vamos nos reinventar, nos renovar a cada dia.
Porque por você vale a pena. Porque por nós vale a pena.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Comente, opine, se expresse. Esse é o seu espaço. Que ele seja doce !