28 de jun de 2010


E seja aquela hora que você quer ficar só. Com seus discos. Seus livros. Seu chocolate meio amargo. Seus desgostos. Suas esperanças. Seus sonhos. Seus olhos cansados.Seu café-com-leite. Suas lembranças agridoces. Suas fotografias amareladas. Suas frutrações. Seus medos. Seus anseios.
Eu apenas queria que você tivesse aquela alegria ainda consigo.
E que a minha ternura não ficou na estrada, não ficou no tempo, presa na poeira, ela chegou até você.
E que cada vez que você se sentir perdido, cansado abra a janela e repita pro vento: que seja doce!
'Se amanhã o que você sonhou não for bem aquilo, tire um arco-íris da cartola.
E refaça. Cola. Pinta e borda. Porque a força de dentro é maior.
Maior que todo mal que existe no mundo.
Maior que todos os ventos contrários.
É maior porque é do bem.
E nisso, sim, acredite até o fim .

Um comentário:

  1. Já disse que adorei esse texto né...
    mas nunca me canso de te dizer que vc escreve muito bem...
    adorei de verdade
    bjão

    ResponderExcluir

Comente, opine, se expresse. Esse é o seu espaço. Que ele seja doce !