3 de jul de 2013

.

Confesso que, as coisas não estavam tão boas para mim. De um modo muito estranho, 2013 esgotava meu bom humor, minhas forças e minha fé. E então, em meio a tantas lágrimas jorradas durante esses meses todos,  posso acordar em julho completamente refeita em sonhos. Depois de silenciar minhas palavras, hoje voltei a escrever. 
Sabe o que eu aprendi em meio a todo esse sofrimento?
Aprendi que tenho um Deus que me surpreende a cada dia, e me carrega no colo quando minhas forças se esgotam.
Aprendi que tenho amigos de verdade. Poucos, sim. Mas, verdadeiros.
Aprendi que o amor, é o maior sentimento do mundo.  O mais bonito, o mais puro.
Não tenha medo de buscar ser feliz. Não tenha medo de arriscar. Tente sempre.
Acredite em você.
 Queira ter boas histórias para contar.
E se jogue.
O resultado pode ser surpreendente!

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Comente, opine, se expresse. Esse é o seu espaço. Que ele seja doce !